Total de visualizações de página

sexta-feira, 26 de outubro de 2007

...

Dor doída mesmo é você perder tudo e não ter nem por onde começar...

Essa é uma dor desesperançada, que desnortea, sem rumo.
Dor mesmo é filho morto. Perdido. Querido. Para sempre.

A dor, a solidão que sinto agora, me dá vergonha.