Total de visualizações de página

sexta-feira, 8 de agosto de 2008

abretura das olimpiadas de beijing


Desde do inicio tenho falado que ia boicotar essa olimpíadas da China.

Fato cada vez mais difícil de acontecer com a enxurrada de programas sobre a mesma nos canais de tv pago. E sou extremamente curiosa com fatos históricos, até porque sem eles, nada somos.

Como foi difícil dizer não hoje de manhã para o Bi, quando ele me convocou assistir a abertura dos jogos olímpicos pela tv.

Obviamente não me furtei de elogiar os chineses.

Eles são mesmo danados:Inventaram vários instrumentos musicais, o macarrão, o papel, a seda, a aerodinâmica dos barcos, a aquarela, a bússola, a pipa, o feng shui, os tipos móveis de impressão, foram os primeiros a unificar a escrita...


O que acho mais bonito neles é a união, a harmonia entre toda a herança milenar e o novo.É muita riqueza cultural e espiritual para um povo só.

Mas, apesar e estar apreciando o espetáculo, não me furtei de esclarecer para o meu pimpolho que apesar de inventividade e determinação do povo e de sua história, os governos chineses sempre primaram pela intransigência diaspórica.

Enfim.

Não sei a quantas anda a determinação do Richard Gere, do Arthur Dapieve ou do Seu Airton, meu porteiro,sei que será difícil manter meu boicote, mas pretendo ir até o fim.

Portanto não esperem novos posts a este respeito.Acompanhem a enxurrada de medalhas brasileiras em outros blogs.

Apesar de toda a beleza, delicadeza e expressividade demonstrada na abertura.

Diga NÂO as Olimpíadas de Beijing!

POR UM TIBET LIVRE.