Total de visualizações de página

segunda-feira, 26 de abril de 2010

o pajé

 Marta , Dê, o pajé Rufino, sua neta e as mangueiras

  Cheguei na aldeia kitaulu, e encontrei uma aldeia linda, cercada de mangueiras por todos os lados, a oca do centro cultural  reinando no meio, crianças jogando bola e a equipe totalmente integrada ao ambiente.
Conheci a aldeia, fui na escola, conversei com as mulheres.
O pajé Rufino chegou perto de mim.
Olhei pra ele e falei:- Poxa Rufino, sua aldeia é linda! essas arvores, tão bonitas, dão uma sombra gostosa né?
Sábio, ele olhou pra mim. Me  respondeu com seu olhar ancestral:
- Isso não é arvore não. É mangueira....


As casas nos kitaulus

 Na volta, ele  e sua familia pegaram uma carona conosco para irem acampar perto do rio. Ao  passar pela mata da floresta amazônica repleta de  todas as espécies, lhe perguntei: - Isso é arvore né?ele respondeu: -Isso é árvore.

 É claro! Mangueira não é nativa, não  faz remédio,  não cura , não é mágica.  Mangueira só da fruta, que segundo Rufino, enjoa.