Total de visualizações de página

terça-feira, 23 de março de 2010

sobre o dia da água.



O Dia da Água foi "comemorado" ontem.
Não me prendo a comemorações datadas.
Dia da água pra mim são todos os dias.
Esse  bem essencial, esse direito humano indispensável,  faz parte das minhas preocupações diárias.
Hoje a matéria do Globo Ciência nos dá a dimensão do quanto é duro o cenário da água no planeta.Duro, e infelizmente previsível para aqueles que acompanham com seriedade esse ass:unto.
Vamos às estatísticas, segundo o Programa do Meio Ambiente das Nações Unidas, o UNEP:

1- As águas do planeta estão cada vez mais poluidas causando a morte de inúmeras pessoas por contamição, Essa contaminação causa  mais  vítimas do que as nossas  conhecidas violências e  mais do que o número de mortos em guerras;
2-  A falta de água limpa mata 1,8 milhão de crianças com menos de 5 anos de idade anualmente, o que representa uma morte a cada 20 segundos;( ate você  acabar de ler esse artigo inúmeras crianças morreram tendo como causa mortis,  água poluída)
3- Grande parte dos despejo de residuos acontece onde? Nos paises desenvolvidos. Estes paises lançam 90% da água de esgoto  sem tratamento
4- No Brasil, morre-se por diarréia, ou seja falta  por falta de saneamento básico.
5-Mais da metadae dos leitos de hospitais do planeta são ocupados por pessoas  com doenças  ligadas à água contaminada;
6-Dois milhões de toneladas de resíduos contaminam cerca de 2 bilhões  de tonelasa de água diariamente;

A previsão para o futuro é catastrófica: Até 2025, a estimativa é que dois terços da população mundial vão sofrer por escasez  de água, agravando a situação de paises que hoje, já sofrem a falta desse bem essencial à vida digna.
 
Odeio escrever esse tipo de noticia. Me dói profundamente ver  do que somos capazes de fazer.

Mas enfim, a ordem é não desistir. Vamos economizar, vamos fazer pelos outros que não tem consciência, por aqueles que insitem em lavar suas calçadinhas com nossa doce água doce.Vamos fazer por aqueles que tomam banho de 10 a 20 minutos como se não houvesse amanhã, que desperdiçam pelo simples prazer de desperdiçar, por aqueles que se fingem de mortos diante das questões ecológicas, por aqueles que insistem em não acreditar...

E vamos   à luta, vamos conscientizar.
Para conscientizar não precisa necessariamente ser ligado a nehuma instituição ambiental, basta ser critico, amar, respeitar  a  natureza e o meio ambiente que nos cerca.

Eu sempre fui ecóloga e desbravei lutas sem estar ligada a nenhum entidade.

Minha luta é nas escolas com os professores que traballho, com meus alunos e nossas artes com sucata, nas minhas atitudes diarias,  na educação dos meus filhos, na minha  pequena coleta  seletiva, enfim... Eu relutei muito antes de atuar numa ONG ecológica, como faço agora.

 E não me arrependo. As vezes é necessário se unir para se organizar melhor e atuar em causas maiores, pois sem consciência ecológica,  sem ações, pequenas ou grandes, o futuro será bem  mais apocaliptico do que já se delineia.