Total de visualizações de página

sexta-feira, 14 de agosto de 2015

perseverar é nao desistir

 
Perseverar é um verbo transitivo indireto e intransitivo, que quer dizer persistir, permanecer, ser constante.
Também  pode ser predicativo no sentido de continuar, permanecer.

Então  vamos aos meus resignificados.

Perseverar  como predicativo indica continuar numa situação, permanecer num jogo, num relacionamento, num projeto, numa ideia. Até quando?
Se seu coração lhe diz sim, se a situação não te oprime e você se sente leve, até a  coisa acontecer, até acontecer o milagre.

Porque a gente não persevera do nada, do vazio, da mesma maneira que não perseveramos quando não sentimos  que a verdade existe onde  queremos permanecer.

 As vezes persistir é persistir no erro. e isto não é perseverança.

Perseverança é cheia de boas  intenções,  de bons fluidos e pensamentos, de verdades legitimas.
A gente  não persevera no acaso.
A gente não persevera na pirraça.
Na vontade egóica.
Perseverar é uma virtude, um valor distinto de todos os outros. Porque os valores, como as pessoas, as coisas, as plantas,  os bichos e as estrelas no céu, são diferentes. E está tudo bem.

Perseverar é um verbo transitivo  indireto  não possui sentido completo, portanto  precisam de complementação, precisa de uma preposição, de um objeto indireto para ganhar significado. Mas é também um verbo intransitivo, ou seja não precisa de complemento. Você pode apenas e simplesmente  perseverar.
Esqueça as preposições, esqueça os objetos indiretos.

Perseverar como verbo quer dizer ser constante,  é estar consigo, estar em si,  e assim, querer  o  melhor pra si.