Total de visualizações de página

terça-feira, 5 de maio de 2015

como a valorização muda a vida dos outros


Estava aqui pensando em como as pessoas agem diante da valorização de uma outra pessoa.
Me ocorreu de estar numa escola um dia, e estar acontecendo um festival de literatura infantil.
Imediatamente me vi ligada naquilo. Em primeiro lugar porque amo literatura infantil e em segundo lugar porque tenho  7 livros infantis publicados e mais um blog infantil  desde 2007, o Mariazinha zinha zinha.
Empolgada me auto convidei para estar lá um dia com as crianças e poder conversar com elas sobre o processo de criação e quem sabe cocriar algo juntos, algo que elas pudessem se lembrar por toda a vida.
Estava com uma colega  de trabalho, que ao ver minha interação com as gestoras e coordenadoras, também  se prontificou a fazer o mesmo que eu.
Na hora achei genial, e é mesmo! contar histórias para crianças é uma das coisas mais incriveis que um adulto pode fazer. eu me sinto profundamente realizada em  contar histórias. é um momento feliz para mim.
Mas depois pensei: Opa! como assim? ela também vai contar histórias? como assim, ela vai sentar naquele espaço bonito, se nunca fez isso antes?  porque fazer justamente no momento em que eu me auto convidei?
Eu respondo.
Por insegurança dela.
Possivelmente, teve medo, insegurança, de que eu de alguma maneira tivesse  mais  enfoque do ela. Mas eu faço isso! Eu sou escritora e conto histórias! Já participei de 4 bienais, um sem fim de encontro com autores, amo estar  com as crianças... Isso não tem mistério nem glamour para mim, é meu oficio.
Mas minha colega, insegura, precisava brilhar também.
Precisava estar no mesmo patamar que eu. Não queria estar abaixo, na sua concepção...
E ela  brilhou! e foi  bom, principalmente  para a sua depauperada auto estima.
 Pensei muito em valorização depois disso.
A valorização para mim, é você  estar no seu melhor, querer e ter o melhor para si, em si e não se importar se os outros tem ou são também.

Valorizar-se é estar ciente de si.

E vocês, tem uma opinião  formada sobre isso?