Total de visualizações de página

sexta-feira, 14 de março de 2008

Hoje é o Dia da Poesia. Aí vai uma das minhas:

Essa ânsia de ti
vai sedimentando minhas feridas

chagas abertas
que emudecem minha boca

Uma borboleta preta pousou no quadro.
mau agouro.

E essa sua pele de veludo?
Ainda guarda meus rastros?

Minha boca apaixonada
quer testar sua frescura...